Horários e funcionamento do Santuário

Horários do Santuário São Judas Tadeu

Missas
Segunda a sexta-feira às 7h, 9h, 12h, 15h, 17h, na igreja antiga, e às 20h, na igreja nova.
Sábados às 7h e 19h30 na igreja antiga e às 9h, 12h e 15h, na igreja nova.
Domingos às 7h, 8h30, 10h, 12h, 15h, 16h30, 18h e 19h30, na igreja nova.
Dia 28 de cada mês às 6h, 7h, 8h30, 10h, 12h, 13h30, 15h, 17h, 18h, 19h e 20h30, na igreja nova.

Confissões e Orientação com os sacerdotes
Segunda a sexta-feira das 8h às 20h.
Sábados das 8h às 18h. Domingos das 8h às 18h, na Capela de Bênçãos.
Dia 28 de cada mês, somente Confissões das 6h45 às 19h, no Salão Dehon.

Bênçãos
De segunda a sexta-feira das 8h às 20h.
Sábados das 8h às 18h.
Domingos ao final de cada missa.
Dia 28 de cada mês das 6h às 21h, na Sala São Judas.

Obra Social
De segunda a quinta-feira, das 08h30 às 13h30, realiza-se a triagem dos casos e atendimento às pessoas que passam por dificuldades e necessitam de ajuda, suprimento de suas necessidades básicas ou de orientação e encaminhamento para outros recursos da comunidade.

Farmácia Comunitária
Segundas e quartas-feiras, das 8h às 11h e das 13h às 16h. Sextas-feiras, das 8h às 11h e das 13h às 15h. Sábados, das 8h às 11h. Dias 28 de cada mês não há atendimento.

Secretaria Paroquial
Segunda a sexta das 8h às 20h.
Sábado e domingo das 8h às 18h.
Telefone: (11) 3504-5700

Loja de Artigos Religiosos São Judas
De segunda a sexta-feira das 7h30 às 20h.
Sábados e domingos das 7h30 às 18h. Dia 28 de cada mês das 6h às 21h.
E-mail: lojasjt@terra.com.br / Tel: (11) 2275-0724
www.lojasaojudastadeu.com/

Missas aos domingos na TV Band e Rádio Capital 1040AM
Domingo às 7h pela TV Band e Rádio Capital 1040 AM

Rádio 9 de Julho 1600 AM
Santa Missa de segunda a sexta-feira às 17h;
Amanhecer com Esperança com Pe. Cláudio Weber, scj, diariamente às 05h55;
O Pão da Palavra com Diácono Erick Max, scj, de segunda a sábado às 06h55 e às 20h
O Poder da Palavra com Pe. Antônio dos Santos, scj, de segunda a sexta-feira às 16h;
A Missa Continua com Diácono Erick Max, scj, de segunda a sexta-feira às 17h50.

 

Ordem

Sacramento da ordem é o chamado de Deus para aqueles que vão propagar Sua Palavra Apresentamos, hoje, o sacramento da ordem. Juntamente com o matrimônio, são chamados de sacramento de serviço. Assim, quem é batizado e confirmado (crismado) pode também assumir um serviço especial, pondo-se a serviço de Deus.

Isso acontece mediante os sacramentos da ordem e do matrimônio, por isso os mesmos são chamados sacramentos a serviço da comunhão e da missão, pois conferem uma graça especial para uma missão particular na Igreja em ordem à edificação do povo de Deus, contribuindo em especial para a comunhão eclesial e para a salvação dos outros. A ordem é o sacramento graças o qual a missão confiada por Cristo aos Seus apóstolos continua a ser exercida na Igreja até o fim dos tempos.

Nela, quem é ordenado recebe o dom do Espírito Santo, concedido por Cristo pelo bispo e que lhe dá autoridade sagrada. Nele, o sacerdote continua sobre a terra a obra redentora de Cristo, afirma São João Maria Vianney.

Por que é chamado sacramento da ordem?

Chama-se ordem este sacramento, pois indica um corpo eclesial, do qual se passa a fazer parte, mediante uma especial consagração (ordenação), que, por um particular dom do Espírito Santo, permite exercer um poder sagrado em nome de Cristo e com a autoridade d’Ele, para o serviço do povo de Deus.

Compõe-se de três graus, que são insubstituíveis para a estrutura orgânica da Igreja: o episcopado, o presbiterado e o diaconato. Os sacerdotes na Antiga Aliança encararam a sua missão como uma mediação entre o celeste e o terreno, entre Deus e o Seu povo. Sendo Cristo o único mediador entre Deus e a humanidade (cf. I Tm 2,5), Ele aperfeiçoou e concluiu esse sacerdócio. Depois de Cristo, o sacerdócio só pode existir em Cristo, na imolação d’Ele na cruz e por Seu chamamento e envio apostólico.

O efeito da ordenação episcopal confere a plenitude do sacramento da ordem, faz do bispo o legítimo sucessor dos apóstolos, confere-lhe a missão de ensinar, santificar e governar. O ministério do bispo é, no fundo, o ministério pastoral da Igreja, porque remonta às testemunhas de Jesus.

WhatsApp chat